quinta-feira, 4 de novembro de 2010

PRECISO DE UM ABRAÇO......





Preciso de um abraço
Consentido e partilhado
Dado com muito vigor
Um abraço bem apertado
Sentido no seu esplendor

Preciso “daquele” abraço
Terno e regenerador
Vestido de pureza e Ternura
Que traga na alma a candura
E no Sentir o Amor

Preciso do “tal” abraço
Aconchegante e cheio de Vida
Que queiras comigo partilhar
Preciso de me sentir querida
Pois sinto-me a definhar

Preciso de um abraço
Que traga no peito colinho
E na alma a bonança
Preciso de sentir carinho
Para não perder a esperança

Preciso de um abraço
Mas não de um abraço qualquer
Preciso do TEU abraço
(Sem ele, não sei o que faço)
Neste corpo de Mulher

FLY

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Achei lindo esse texto e quero compartilhar.

Há tantos reinos no mundo que envolvem o teu ser profundo.

A coragem é mais que viagem a todos os portos que fores capaz de ancorar. Precisas transpor outras fronteiras e distâncias.

Aprende a ser leve como o vento e olha fundo, porque o medo é só um instante num coração errante.

Goza dessa virtude de se sentir inteiro nesse novo mundo tão velho de teorias.

Destrói conveniências, sapiências ultrapassadas em confortos cristalizados, nos medos que não ousas adentrar. Abre os braços em cotidianos abraços.

Se os dedos se cansaram, é de toques que eles precisam.

Grande é o amor que tudo abarca.

São tantas as fendas, as portas, as divindades e a saudade.

Nas escolhas que se fazem e nos encontros que a geometria propõe.

O sol levanta e dorme, como tu, todos os astros e movimentos.

Tudo é preparação, malas para a viagem que não tem fim.

Não percebes a beleza que ronda o teu desacordo com o mundo?

Levas traços revoltos, mas vida são ondas que se quebram no eterno vai e vem.

Remove o pranto que o manto de teus dias escondeu. Remove a poeira, ladeira, que se acumula, entranha. Está em teus poros, suados de defesas armadas.

Sacia a fome com os alimentos da terra, da mente e do espírito.

Entrega-te às surpresas, à vastidão, à amplidão.

À natureza, dos bens o mais precioso.

Aprende a compartilhar: amor, vida, olhar.

Espalha os talentos aos ventos e seres capazes de os polinizar. Une-te em fraternos ideais e condutas. Sem vaidades ou orgulho.

Não é de certezas a vida, mas de descobertas.

Respeita as diferenças, ciências da mesma verdade que tudo conduz.

Sente com o coração, estamos todos envoltos na mesma oração. Encontra teu tesouro interno e oferece-o ao mundo que necessita.

Cultiva a coragem de acabar com as máscaras, pois apenas inteiro podes ir além.

Ama , surpreende, exerce a escolha. É livre o arbítrio.

Mas assume o dever, com consciência da tua parte no todo.

Com a convicção de dentro, ousa as travessias.Não te escondas em medos e culpas.

A aparente fragilidade é a grande força que tudo move.

Nos lúcidos lampejos, que chamas de coincidências, residem as revelações.

Compreende teu papel na vasta trama.Estampa em teu peito este sol que dentro brilha.

É de fogo essa hora.

Qual fênix, renasce de tuas próprias cinzas.

Toda realidade começa num sonho.

Acorda então para dentro.

Agora anda com o tempo que nunca andou tão depressa.

Tudo é jornada.

E escolha ..............


Fonte: Isabel Mueller é astróloga, escritora e poeta.
http://vilamulher.terra.com.br/vilaastral/materia/momento-zen/69-despertar.html

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

SONHOS


(Geraldo Eustáquio de Souza)

Voar é com os pássaros
Sonhar é com a gente
porque eles têm asas
e nós temos a mente
que nos permite voar
de um jeito bem diferente
ir - sem sair do lugar -
ao futuro lá na frente
e além de ir, enfeitar,
construir e habitar
uma realidade inexistente
como se fosse real
o que é apenas sonho, realmente.

Gente é feita pra sonhar
de tudo e de todo jeito
estando muito feliz
ou triste e insatisfeito
com a vida por um triz
com tudo andando direito
Gente sonha dormindo
e mais ainda acordado
e nos sonhos tudo é lindo
bom, gostoso, desejado
o sonho é a fotografia
de um tempo muito esperado
que dorme dentro da gente
sonhando ser acordado
... o sonho é a expressão
do nosso mundo sonhado

Tem sonhos de todos os tipos
pra todos os gostos e agitos
sonhos pequenos e simples
sonhos grandes e complicados
sonhos que são mesmo da gente
e sonhos emprestados
sonhos genuinamente brasileiros
e sonhos globalizados
sonhos muito passageiros
e sonhos muito demorados
sonhos de crescer, de mudar o mundo
e sonhos de ir viver
bem distante deste mundo

Sonhos de todas as cores,
formas e tamanhos
sonhos muito comuns
e sonhos... ligeiramente estranhos
sonhos somente ao alcance de alguns
e sonhos que todos podem sonhar
a qualquer hora do dia
em qualquer tempo e lugar
na janela,
na cama,
no banheiro,
na igreja,
no trabalho,
no bar...
... porque sonhar é de graça
ninguém paga pra sonhar

Há sonhos duramente reprimidos
e sonhos bravamente liberados
sonhos sérios, formais, comedidos
e sonhos desbundantemente ousados
sonhos requintados e elegantes
e sonhos de um mau-gosto refinado
sonhos muito extravagantes
e sonhos super bem-comportados

Para todas as preferências,
tendências e fantasias
há sonhos práticos e realistas
ou distantes utopias

Sonhos malucos e geniais
sadiamente loucos
insanamente normais
sonhos libidinosos, mundanos
sonhos divinos e angelicais
Mas sejam nobres e sublimes
ou vulgares e banais
são apenas sonhos humanos
de todos nós, mortais

Há sonhos pra se sonhar sozinho
e sonhos pra se sonhar a dois
sonhos que muitos já sonharam antes
e que muitos sonharão depois
sonhos pra se sonhar em vida
e sonhos pra depois de defunto
sonhos pra se sonhar em segredo
e pra contar pra todo mundo

Sonhos arrojados e inovadores
sonhos antigos e tradicionais
sonhos que viraram história
e sonhos que ninguém se lembra mais
sonhos sonhados com medo
e com muita garra e coragem
sonhos que parecem pesadelos
e sonhos que são uma viagem

Sonhos que nos deixam preocupados
e sonhos que nos enchem de esperança
sonhos pra quando a gente crescer
e sonhos de voltar a ser criança

Quantos sonhos ficarão só no "talvez..."?
Quantos virarão realidade?
Quantos deixarão de ser apenas desejo
para se transformar em vontade?

Quantos sonhos serão bem mais
do que febre passageira?
Que nos motivem a lutar a vida inteira,
e a prosseguir sempre, de qualquer maneira,
ralando, errando, perdendo ou ganhando,
acertando em cheio
ou fazendo belíssimas besteiras?


Porque sonho que é sonho, não passa:
- faz a gente fazer no peito e na raça,
de pura pirraça,
nem que seja a última coisa que a gente faça!

Porque sonho que a gente só sonha
sem nunca tentar fazer
vai ficando pro futuro
até cair de maduro
decompor, apodrecer,
... ficar velho como a gente
até desaparecer
no meio da densa neblina
que é morrer sem viver

Porque sonho foi feito pra virar realidade
não pra ficar na gaveta da eterna possibilidade
nem pra terminar na saudade
do que poderia ter sido - e nunca foi...

... Mas que sempre poderá ser
porque sonho não tem idade para se viver!
Qualquer tempo é tempo pra quem sonha de verdade:
- é só esperar pra ver

Esperar e, é claro, se mexer,
porque sonho depende de muita fé e trabalho
até o dia de acontecer

E esse dia pode demorar
mas com toda certeza vem,
porque o sonhador sabe muito bem
a força que um sonho tem

Força que nos anima a continuar lutando
apesar dos fracassos,
do cansaço,
da falta de recursos,
da velhice chegando...

Porque sonhos são como estrelas
guiando o navegante...
Faróis – que nos lembram a cada instante
que ainda estamos vivos
que ainda temos a chance de chegar
por piores que sejam as tempestades
que tenhamos a enfrentar

Porque sonho é pra ser vivido,
ser buscado, ser perseguido,
sem desistir nem desanimar...

... Com toda a força da alma
com todo o engenho das mãos
com a lucidez das idéias
e o fogo ardente da paixão

Porque só os sonhos
podem dar sentido e significado
ao presente, ao futuro e ao passado

Porque sonho não é loucura nem ilusão
mas apenas um recado de Deus
gravado dentro de cada coração

terça-feira, 26 de outubro de 2010

"Ser" ou "estar" feliz são a mesma coisa?

"Ser" ou "estar" feliz são a mesma coisa? Obviamente que há uma grande diferença entre "ser" feliz ou "estar" feliz. Uma pessoa pode estar feliz porque seu time ganhou o campeonato, mas isso não torna tal indivíduo alguém feliz. Estar feliz pela conquista do campeonato é uma condição passageira, efêmera, que logo se desfará na primeira derrota de seu time. Em contrapartida, uma pessoa pode estar triste pela perda de um ente querido, por exemplo, mas ainda assim ser uma pessoa feliz pela maneira como vê e vive sua vida.

As pessoas estão em busca da "tal felicidade"... Mas se será que estão a encontrando? Duvido muito... Pelo fato de vivermos numa sociedade que valoriza o "ter" ao invés do "ser". O que vale são as aparências, o status social, o acúmulo de bens. Quando conquistam "coisas" ou são premiadas por suas realizações, as pessoas ficam apenas felizes... Entretando, é evidente que estas coisas nunca satisfazem por completo, e daí a razão do homem querer sempre mais além do que já tem. O resultado dessa busca pela felicidade sempre será o sentimento de infelicidade, de um vazio sem fim que nunca consegue ser preenchido.

Por fim, acredito que o caminho para ser feliz começa em amar a si mesmo. Não um amor egoísta, mas altruísta. Um amor próprio que visa o bem estar dos outros. É sabido de todos que foi Jesus, o Mestre dos mestres, que ensinou: "Amarás o teu próximo como a ti mesmo". Somente pode amar ou dar amor a outro quem ama a si mesmo. Quem não ama a si mesmo não consegue amar ninguém adequadamente. Tal pessoa poderá ter surtos de felicidade, mas nunca será alguém realmente feliz até que venha amar a si mesmo.

Além do amor, o caminho para ser feliz é saber perdoar, é ter a capacidade de rir de si mesmo, é conseguir ver os problemas não como "problemas", mas sim como oportunidades, e ainda, não esquecer de valorizar as coisas simples da vida.

Postado por Pr. Marcelo Rodrigues

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Há momentos na vida da gente, que a gente se pergunta por que é que as coisas são assim. São nesses momentos, que paramos para refletir sobre o real sentido das coisas... descobrindo assim as certezas e as INcertezas da vida que a gente vem carregando desde de sempre. O interessante disso tudo, é que não é apenas questão de rever os principios, mas é questão de rever a sí mesmo, em quem você se tornou em como você interage com as pessoas, se perguntar por que as coisas são assim não adianta em nada se você não demonstra pra você mesmo o seu brilho, a sua força, a sua garra, o seu carisma, o seu alto astral, o seu vigor, sua juventude. Não basta apenas mostrar pra você mesmo, você deve agarrar isso com tudo, e provar pra todo mundo do que você é capaz e COMO você se dispoe a encarar seu medos e seus tropeços de cabeça erguida, de peito aberto, sem medo, sem preceitos, sem esquecer de quem você realmente é de que como você realmente gostaria de ser. É com esse pensamento que você abre as portas de você mesmo para que o seu verdadeiro EU mostre a todos quem está por dentro e abrindo essa porta, também, é que você consegue trazer pra dentro, interagir com o exterior, absorver as coisas. Nessas horas, temos que ficar atentos e criar um filtro para drenar tudo de ruim e absorvermos somente o bom, o agradavel, o doce. Se você consegue acordar todos os dias, com o brilho nos olhos, disposto a enfrentar seus medos, e dar um tapa nos inimigos, você consegue obter de você mesmo e dos outros tudo aquilo que você sonha, tudo aquilo que você quer. É a capacidade de nos apaixonarmos todos os dias é que nos faz criar asas e alçar vôo rumo a lugares mais distantes, mais bonitos. O fogo inocente dos olhos de uma criança, o brilho curioso, é o que devemos ter para conseguirmos sonhar, viver, sorrir e crescer.
E para finalizar, uma citação, essa é para todos vocês então decore:
"Amanhã será tomorrow" - Falcão



Pedro Bial

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

O que acontece?



O que acontece ...

... quando sem a menor explicação, encontramos alguém que mexe com o nosso coração;

... quando sentimos a necessidade desta emoção se transformar em realidade;

... quando apesar da distância que nos separa,ao ouvir aquela voz, a minha voz se cala?


O que acontece ...

... quando em meio a palavras e carinhos, descobrimos que estamos no mesmo caminho;

... quando percebemos que a cada dia que passa sem este alguém,a vida já parece sem graça;

... quando sentimos um aperto enorme no peito,das saudades intensas que já não tem mais jeito ?

O que acontece ...

... quando este alguém está tão presente,que até o próprio presente torna-se tão distante;

... quando em sonhos a mais linda forma de amar, por tão grande emoção, já parece se realizar;

... quando percebemos que o coraçãoem meio a tantas emoções, se entregou sem receios e cheio de ilusões ?


O que acontece ...

... quando no silêncio da noite, vou em busca deste alguém,que se faz tão presente,mas que ao meu lado não pode estar;

... quando nos vemos em situações, que por elas procuramos explicaçõese nada encontramos, a não ser o caminho a seguir;

... quando choramos baixinho, e pedimos a Deusnossas preces escutar?


O que acontece ...

... quando este ALGUÉM deixou de ser alguéme passou a ser VOCÊ ?


O que acontecerá ...

... quando VOCÊ perceber que já não é mais ALGUÉM e que eu estou aqui a lhe esperar ?"



(desconheço autor)


quarta-feira, 18 de agosto de 2010

RENASCER.

Dispa-se de todos os contornos irrelevantes de sua vida.
Entalhe-os em felicidade e não em angustia,
Não se conforme com o vento morno a soprar seu destino.
Aqueça os caminhos que levam a caminhar seus pés...pise sobre brasas, sinta-os ,
Faça da estrada que percorre, labaredas, chamas que cintilam a um breve raio de sol...
Não se apóie sobre ninguém. Seja o apoio de alguem, pois a felicidade é infinitamente maior, quando se pode servir...sem esperar receber.
Desequilibre-se na corda bamba e permita-se cair,
e se for ao chão, apóie-se nele e levante-se!
Seja aventureiro na arte de amar, que essa aventura, seja entrega e que seja plena!
Não use medidas porque medir o amor é medir as constelações...
Seja desmedido, incoerente, inconseqüente, seja criança...
Não racionalize tudo...
Se permita cantar, dançar nas esquinas, bailar ao cair da chuva,
Se permita se encharcar de lágrimas quando a dor for insuportável,
mas não se permita sofrer indefinidamente...a dor eterna é morte.
Morte de desejos, morte de sorrisos, morte de renascimentos...
Abra-se ao conhecimento, mas não se tolha das bobagens deliciosas da vida.
A vida é longa e não curta como dizem, analise os dias, as horas e perceberá
que a cada segundo algo muda e faz do tempo infinito.
Sorria e se deixe moldar caso perceba e perceberá, que é preciso mudar todos os dias.

"Ame...porque o amor é o maior poder que existe na terra! Amor, é vida. A vida se expressa, única e exclusivamente, no amor."
Pinte sua vida de todas as cores, faça dela uma aquarela de amores.
E na tela delicada de suas ilusões deixe existir somente o que deixou boas
e inesquecíveis recordações...
Abra o armário de suas lembranças, escolha o vestido mais bonito, vista-se, sente-se a janela,
deixe que te olhem, que te admirem, perceba o quanto é bonita, deixe isso acontecer...
Permita-se ser desejada.
Não se apegue a dores passadas, a vida é tão bela! E temos que viver cada segundo, porque pode ser a despedida eterna.

As dores, quando carregadas no coração, dia após dia, são como fardos nos encurvando, nos deixando corcundas nos tirando a visão do horizonte...
nos aprisionando a olhar somente abaixo...
Apagando devagarinho a luz de nossos olhos, o viço de nossa pele, a vida de nosso corpo.
Viver é reacender todos os dias a labareda que chameja em nosso coração.
Reúna forças para reacendê-la mesmo que sinta vontade de deixá-la se apagar,
Porque todo amanhã é renascimentos. E nunca sabemos qual destes renascimentos nos fará absolutamente felizes.
Portanto se permita a felicidade, antes de tirá-la completamente de seus objetivos.
Lágrimas repetidas só embotam a vida.
Renasça!

Sandra Botelho!

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

SÊ FENIX

Do sonho não lembrava mais
Cinza num longo e profundo suspirar
Melancólico cântico de um átimo de lucidez a sibilar
Fênix refletida renascia, em lágrima a cessar
Menina, mulher de ínfimo querer contido
De dor, arrefecido peito estrangulado
Em combustão por desdita solidão
Como fênix sobrevivi mil vezes
Se sofri, chorei, fui ao chão
Tornei-me em cinzas , virei pó
Renasço... por vezes
Num vôo soberano
Asas imponentes me renovam
No calor de um grande amor
Regenerada, pura e pronta estou
Sou mesmo assim...
Boto a mão no fogo pra queimar
Queimo-me por gostar
Sou ave imaginária
Sou mito, perdulária (...?)
Não importa qual janela vai se abrir
Qual brecha vai a réstia entrar
De coração sempre a pulsar
meus olhos sentimentos a espelhar
Meus versos são fagulha de prosa estelar
Segredando aos adormecidos mortais.
Mitológica vou voar
Sou fênix, me permito sonhar.


Alice Poltronier



terça-feira, 3 de agosto de 2010

Recomeçar......

Não importa onde você parou...
Em que momento da vida você cansou...
O que importa é que sempre é possível recomeçar.
Recomeçar é dar uma nova chance a si mesmo...
É renovar as esperanças na vida e, o mais importante...
Acreditar em você de novo.
Sofreu muito neste período? Foi aprendizado...
Chorou muito? Foi limpeza da alma...
Ficou com raiva das pessoas?
Foi para perdoá-las um dia...
Sentiu-se só diversas vezes?
É porque fechaste a porta até para os anjos...
Acreditou que tudo estava perdido?
Era o início da tua melhora...
Onde você quer chegar? Ir alto?
Sonhe alto... Queira o melhor do melhor...
Se pensarmos pequeno... Coisas pequenas teremos...
Mas se desejarmos fortemente o melhor e, principalmente, lutarmos pelo melhor...
O melhor vai se instalar em nossa vida.
Porque sou do tamanho daquilo que vejo, e não do tamanho da minha altura.





(Carlos Drummond de Andrade)

domingo, 1 de agosto de 2010

MEU AMIGO O "TEMPO"

Não é fácil contar com o tempo, tendo em vista que ele é constante e não podemos pará-lo, tampouco podemos dominá-lo.

Levante a cabeça, porque o tempo pode estar a seu favor!

O tempo de hoje não é o mesmo do de ontem, e o tempo em que você começou a ler este artigo já não é o mesmo de agora, assim como este não será o mesmo quando você terminar de o ler.

Se fôssemos encontrar um significado para definir o que é o tempo ou fazermos uma reflexão filosófica, penso que perderíamos muito tempo, então, quero falar da importância de se aproveitar o tempo, que é o agora que Deus nos dá.

Em muitas situações de nossas vidas, principalmente aquelas mais difíceis, a palavra tempo surge como inimiga, justamente porque diante de um problema queremos logo o ver solucionado, queremos que esta ou aquela situação sejam logo sanadas, que a dor passe com o menor espaço de tempo possível...

Deus, porém, que está fora do "nosso tempo" e vê além, apresenta-me o tempo como meu amigo, aquele que gera em mim a esperança.

Cronologicamente, nossa vida está dividida em passado, presente e futuro. O passado não se pode mudar, por mais difícil que seja, como dizia Heráclito: “Não se pode banhar-se duas vezes no mesmo rio”, ou seja, as águas nas quais você se banhou ontem não são as mesmas de hoje e não serão as de amanhã. “Tudo flui” (idem). Portanto, não vale a pena parar no que passou e ficar se lamentando pelo que já foi levado pela "correnteza" da vida.

Levante a cabeça, porque o tempo pode estar a seu favor, mas isso, se você decidir agora vivê-lo de uma forma nova, diferente da qual você o vinha vivendo.

Deus nos dá o presente, só temos o agora para viver.

Podemos comparar o tempo com o trabalho no campo. O belo da árvore, que virá, depende do bom plantio e do tempo gasto com a preparação da terra. Deus faz a Sua parte, dá a luz, o calor e a água, para que a semente floresça. Tudo o que é semeado com carinho e com amor no presente, Deus o abençoa e será bem colhido no futuro: “O que o homem semeia isto mesmo colherá” (Gl 6, 7b.)

Vejo também o tempo como o caderno e a caneta, os quais são colocados em nossas mãos por Deus. Cada momento é uma linha, cada dia uma página, mas esta está em branco, porque nós é que deveremos escrever nela, e somos nós também que decidiremos o que queremos ou não colocar na folha. Precisamos colocar na página de hoje uma história mais bela do que a de ontem e, isso, gera em nós a esperança e a confiança de escrevermos melhor a página de amanhã.

O que você está semeando no hoje que Deus lhe dá? O que você está escrevendo agora no livro da sua vida?

Nós fazemos a nossa história no tempo, decidimos o que queremos escrever agora, Deus entra com a graça, com seu Espírito Santo ("luz, calor e água" de que necessitamos para crescer). Por isso, é preciso ser amigo do tempo, nossas vidas não são uma corrida contra ele, mas é antes de tudo, o Kairós (o tempo da graça) para ser vivido na plenitude.

Só vale a pena viver se cada momento for vivido como o único momento. As belas paisagens da natureza precisam ser apreciadas como se fosse a última vez que nós a contemplaríamos. As pessoas, que você ama, precisam ser amadas como se nunca mais fosse vê-las. Dizer eu “te amo!” para seu pai, sua mãe, seu esposo, sua esposa, seus filhos ou seus amigos – precisa ser dito agora, porque amanhã pode ser tarde. Da mesma forma, é preciso estarmos na graça de Deus agora, como se fôssemos contemplá-Lo face a face, na eternidade, agora. O tempo de Deus é o presente e o tempo é um presente de Deus. Não reclame da demora do tempo, viva-o agora.

São Paulo nos diz: “Sabeis em que momento estamos: já é hora de despertardes do sono. Agora, a salvação está mais perto de nós do que quando abraçamos a fé” (Rm 13, 11).

Vivo em minha vida esta experiência de contar com o tempo, a resposta para a minha situação está escondida nele, mas não espero de braços cruzados, provo minha paciência no tempo e com este cresce a minha esperança.

Escrevo hoje uma nova página na minha vida, porque o tempo o permite, não sei amanhã, só sei que não posso "dormir", porque agora estou mais próximo da salvação do que ontem, mas não tão perto quanto amanhã.

Aproveite o seu agora, escreva uma nova página da sua vida hoje, deixe passar o que passa, o tempo é seu amigo e está a seu favor.

Uma observação: Você já não é o mesmo agora, desde quando começou a ler este
artigo.

Deus abençoe a sua escrita!
Fonte: www.cancaonova - Daniel Machado de Assis

segunda-feira, 26 de julho de 2010

"ACALENTO"

Eu só queria um ombro para encostar e dizer a
falta que o Ser Humano me faz,
Eu só queria me acomodar em um colo,
e sentir o calor do amor,
assim como o corpo é aquecido
quando exposto ao raio do sol.

Eu só queria não ser tão ausente
no coração de tanta gente...
Eu queria quase nada...
Tão pouco o que eu queria...

Queria compreensão, ternura e um pouco de razão,
Queria um sorriso gostoso despretensioso,
Um abraço doado, apertado, sensibilizado.
Um Te amo de coração...

Queria ganhar um pouquinho de algum chão,
sem poeiras da imaginação.
Queria continuar a acreditar que pessoas
ainda são capazes de se doar.

Eu só queria dentro do mundo com tanta gente ,
Ter o imenso prazer, de pelo menos à alguém dizer:
Por ti vale todo meu viver!
Eu, Simplesmente queria...




Eu só queria...
(Autor Desconhecido)




quinta-feira, 22 de julho de 2010

Sinto sua falta.

Saudades

Sinto saudades de tudo que marcou a minha vida.

Quando vejo retratos, quando sinto cheiros,
quando escuto uma voz, quando me lembro do passado,
eu sinto saudades...
Sinto saudades de amigos que nunca mais vi,
de pessoas com quem não mais falei ou cruzei...
Sinto saudades da minha infância,
do meu primeiro amor, do meu segundo, do terceiro,
do penúltimo e daqueles que ainda vou ter, se Deus quiser...
Sinto saudades do presente,
que não aproveitei de todo,
lembrando do passado
e apostando no futuro...
Sinto saudades do futuro,que se idealizado, provavelmente não será do jeito que eu penso que vai ser...
Sinto saudades de quem me deixou e de quem eu deixei!
De quem disse que viria e nem apareceu; de quem apareceu correndo,sem me conhecer direito,
de quem nunca vou ter a oportunidade de conhecer.
Sinto saudades dos que se foram e de quem não me despedi direito!
Daqueles que não tiveram como me dizer adeus; de gente que passou na calçada contrária da minha vida e que só enxerguei de vislumbre!
Sinto saudades de coisas que tive e de outras que não tive mas quis muito ter!
Sinto saudades de coisas que nem sei se existiram.
Sinto saudades de coisas sérias, de coisas hilariantes, de casos, de experiências...
Sinto saudades do cachorrinho que eu tive um dia e que me amava fielmente, como só os cães são capazes de fazer!
Sinto saudades dos livros que li e que me fizeram viajar!
Sinto saudades dos discos que ouvi e que me fizeram sonhar,
Sinto saudades das coisas que vivi e das que deixei passar, sem curtir na totalidade.
Quantas vezes tenho vontade de encontrar não sei o que...não sei onde...
para resgatar alguma coisa que nem sei o que é e nem onde perdi...
Vejo o mundo girando e penso que poderia estar sentindo saudades
Em japonês, em russo, em italiano, em inglês...
mas que minha saudade, por eu ter nascido no Brasil, só fala português, embora, lá no fundo, possa ser poliglota.
Aliás, dizem que costuma-se usar sempre a língua pátria,espontaneamente quando
estamos desesperados...
para contar dinheiro... fazer amor... declarar sentimentos fortes...seja lá em que lugar do mundo estejamos.
Eu acredito que um simples "I miss you" ou seja lá como possamos traduzir saudade em outra língua,nunca terá a mesma força e significado da nossa palavrinha.
Talvez não exprima corretamente a imensa falta que sentimos de coisas ou pessoas queridas.
E é por isso que eu tenho mais saudades...
Porque encontrei uma palavra para usar todas as vezes em que sinto este aperto no peito,
meio nostálgico, meio gostoso, mas que funciona melhor do que um sinal vital quando se quer falar de vida e de sentimentos.
Ela é a prova inequívoca de que somos sensíveis!
De que amamos muito o que tivemos e lamentamos as coisas boas que perdemos ao longo da nossa existência...



Clarice Lispector

quarta-feira, 7 de julho de 2010

NUNCA TE VI.



Eu nunca vi teus olhos fechando, teus cílios mexendo, não conheço a tua mão.
Nunca vi tua boca abrindo, teu peito batendo, nunca ouvi tua respiração.

Não sei que cheiro tem tua nuca, como andam os teus passos, que largura tem teus ombros.
Eu não conheci teus dedos, não toquei teu rosto, nunca senti teu gosto.
Nunca vi teus pés descalços, nunca acordei com teus passos.
Nunca te vi de costas, indo, vindo ou ficando.
Nem sentado, nem sonhando, nem olhando pros lados.
Nunca te vi nadando, nem te encontrei na rua, nunca cruzei teu caminho.
Não apertei minha mão na tua, nunca te vi suando, não sei como é teu carinho.
Eu nunca encostei na tua pele, não beijei teu rosto, não paguei teu almoço.
Eu nunca te ouvi cantando...
Mas já dancei tua música, já percebi teus medos, vi graça em tuas piadas, dormi com as tuas palavras.

Já senti teu calor no frio, quis jogar tudo pra cima, já me senti uma menina.
Já torci pelo teu time, acordei com teu bom dia, falei o que não devia.

Te escrevi segredos, confessei um desejo, desejei boa noite, dorme bem, um beijo.
Eu nunca vi teus olhos fechando, teus cílios mexendo, não conheço a tua mão.
Mas conheço a mão do destino e talvez ele queira a mesma coisa que eu.

E eu só quero que o nunca, e só o nunca, não seja pra sempre.


(desconheço autor)

sábado, 3 de julho de 2010

E AGORA É SEU...

Pra Você Guardei o Amor

Nando Reis
Composição: Nando Reis

Pra você guardei o amor
Que nunca soube dar
O amor que tive e vi sem me deixar
Sentir sem conseguir provar
Sem entregar
E repartir


Pra você guardei o amor
Que sempre quis mostrar
O amor que vive em mim vem visitar
Sorrir, vem colorir solar
Vem esquentar
E permitir


Quem acolher o que ele tem e traz
Quem entender o que ele diz
No giz do gesto o jeito pronto
Do piscar dos cílios
Que o convite do silêncio
Exibe em cada olhar


Guardei
Sem ter porque
Nem por razão
Ou coisa outra qualquer
Além de não saber como fazer
Pra ter um jeito meu de me mostrar


Achei
Vendo em você
E explicação
Nenhuma isso requer
Se o coração bater forte e arder
No fogo o gelo vai queimar


Pra você guardei o amor
Que aprendi vendo meus pais
O amor que tive e recebi
E hoje posso dar livre e feliz
Céu cheiro e ar na cor que arco-íris
Risca ao levitar


Vou nascer de novo
Lápis, edifício, tevere, ponte
Desenhar no seu quadril
Meus lábios beijam signos feito sinos
Trilho a infância





terça-feira, 29 de junho de 2010

Não te gosto em silencio.......

Não te gosto em silêncio porque te sinto distante...
Entre tua boca e a palavra mora talvez minha angústia
como entre o dia e a noite
vacila a longa dúvida do crepúsculo.

Não te gosto em silêncio, quando há em teus olhos, pousados,
dois estranhos pássaros noturnos,
e teus lábios emudecem como a fonte nos ásperos
e intermináveis invernos.

Não te gosto em silêncio quando te envolves com as coisas
que te cercam, como se fosses uma delas,
quando estás como as águas paradas, cuja beleza
é apenas o reflexo das estrelas.

Por isto te provoco e te atiro perguntas
como pedras quebrando a impassibilidade do lago,
como pancadas no gongo que estremece e vibra
e te traz à tona para mim.

Não te gosto em silêncio, porque parece que atrás de tua voz
ainda se esconde alguém que tu próprio não conheces,
a alguém embuçado a ameaçar nosso sonho
e que só tuas palavras poderão expulsar.

Não te gosto em silêncio, porque preciso ainda de tua palavra
para te descobrir,
lanterna adiante de meu passo, alvorada desenterrando
na noite emaranhada meu indeciso caminho.

Porque preciso ainda que tua palavra chegue como um vento forte
arrastando nuvens, limpando céus e horizontes,
levando folhas doentes, te descobrindo ao sol...
.
Um dia te gostarei em silêncio. E então me recolherei em teu silêncio,
e procurarei a sombra, como o pássaro na hora da tarde,
e porque o sol estará em nós e nada turvará meu pensamento,
entre tua boca e a palavra haverá apenas o meu beijo.


(J. G. ARAUJO JORGE)

domingo, 27 de junho de 2010

Preciso te encontrar.......

Só Hoje

Jota Quest
Composição: Fernanda Mello e Rogério Flausino

Hoje eu preciso te encontrar de qualquer jeito
Nem que seja só pra te levar pra casa
Depois de um dia normal...
Olhar teus olhos de promessas fáceis
E te beijar a boca de um jeito que te faça rir

Hoje eu preciso te abraçar...
Sentir teu cheiro de roupa limpa...
Pra esquecer os meus anseios e dormir em paz!

Hoje eu preciso ouvir qualquer palavra tua!
Qualquer frase exagerada que me faça sentir alegria...
Em estar vivo.

Hoje eu preciso tomar um café, ouvindo você suspirar...
Me dizendo que eu sou o causador da tua insônia...
Que eu faço tudo errado sempre, sempre.

Hoje preciso de você
Com qualquer humor, com qualquer sorriso
Hoje só tua presença
Vai me deixar feliz
Só hoje

Hoje eu preciso ouvir qualquer palavra tua!
Qualquer frase exagerada que me faça sentir alegria...
Em estar vivo.

Hoje eu preciso tomar um café, ouvindo você suspirar...
Me dizendo que eu sou o causador da tua insônia...
Que eu faço tudo errado sempre, sempre.

Hoje preciso de você...
Com qualquer humor, com qualquer sorriso!
Hoje só tua presença...
Vai me deixar feliz.

Só hoje

terça-feira, 22 de junho de 2010

DEVIA TER AMADO MAIS.......

Epitáfio

Titãs
Composição: Sérgio Britto

Devia ter amado mais
Ter chorado mais
Ter visto o sol nascer
Devia ter arriscado mais
E até errado mais
Ter feito o que eu queria fazer...

Queria ter aceitado
As pessoas como elas são
Cada um sabe alegria
E a dor que traz no coração...

O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar distraído
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar...

Devia ter complicado menos
Trabalhado menos
Ter visto o sol se pôr
Devia ter me importado menos
Com problemas pequenos
Ter morrido de amor...

Queria ter aceitado
A vida como ela é
A cada um cabe alegrias
E a tristeza que vier...

O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar distraído
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar...

Devia ter complicado menos
Trabalhado menos
Ter visto o sol se pôr...



domingo, 20 de junho de 2010

SOZINHO.......

Caetano Veloso
Composição: Peninha

Às vezes, no silêncio da noite
Eu fico imaginando nós dois
Eu fico ali sonhando acordado, juntando
O antes, o agora e o depois
Por que você me deixa tão solto?
Por que você não cola em mim?
Tô me sentindo muito sozinho!

Não sou nem quero ser o seu dono
É que um carinho às vezes cai bem
Eu tenho meus desejos e planos secretos
Só abro pra você mais ninguém
Por que você me esquece e some?
E se eu me interessar por alguém?
E se ela, de repente, me ganha?

Quando a gente gosta
É claro que a gente cuida
Fala que me ama
Só que é da boca pra fora
Ou você me engana
Ou não está madura
Onde está você agora?
Quando a gente gosta
É claro que a gente cuida
Fala que me ama
Só que é da boca pra fora
Ou você me engana
Ou não está madura
Onde está você agora?

sábado, 29 de maio de 2010

mEu maior prazEr É tE ...


Quero uma história simples, com sentimentos sinceros e momentos vividos com intensidade.
Quero um amor saudável.

Uma relação diferente.
Que antes de qualquer coisa sejamos amigos e saber que sempre que necessário, teremos um ao outro!
Quero me apaixonar por você todos os dias.
Quero me surpreender a cada descoberta.
Quero que a cada dia você me mostre que valeu a pena esperar.

Que valeu a pena “alimentar” um sentimento tão forte, durante tanto tempo.
E que seu único objetivo será cultivá-lo!
Quero provar dos teus beijos, sentir teu abraço, teu calor, receber teus carinhos, ouvir palavras que me confortam e me fazem bem, e o mais importante, te olhar e saber que você me pertence!
E poder te dizer sem medo nenhum, que sou sua...
Quero sempre te olhar, ou simplesmente pensar em ti.

E sentir a mesma sensação que senti quando te conheci.
Ao te ver pela primeira vez, algo me disse que você seria uma pessoa bem especial em minha vida.
E hoje vejo que o que senti era a mais pura verdade!
És mais que especial.
Quero sonhar os teus sonhos e permitir que você sempre faça parte dos meus.
Quero que você continue sendo o motivo da minha felicidade e a saudade que mais gosto de sentir.
Quero fazer parte de sua história e quero que você escreva os melhores momentos da minha. Pois é a teu lado que vivo momentos únicos.

E é a teu lado que quero permanecer!
Seu jeito de ser!
Sua forma de amar!
O seu bem querer!
São quesitos que me conquistam todos os dias e que me fazem te querer cada vez mais!
Nunca fizemos juras eternas, pois sabemos que nada é para sempre.
Mais aproveitamos cada momento e fazemos com que sempre pareça uma eternidade!
Te quero de um jeito simples, mais muito intenso.
Obrigada por fazer parte da minha vida!
Você não tem idéia do bem que me faz!

Te adoro!


Shirley Costa Araújo

quinta-feira, 20 de maio de 2010

REFLEXÕES

Há momentos na vida em que sentimos tanto a falta de alguém…
que o que mais queremos é tirar esta pessoa de nossos sonhos e abraça-la…
Sonhe com aquilo que você quiser…
Seja o que você quer ser…
Porque você possui apenas uma vida
E nela só temos uma chance de fazer aquilo que queremos.
Tenha felicidade bastante para faze-la doce,
dificuldades para faze-la forte,
tristeza para faze-la humana.
E esperança suficiente para faze-la feliz.
As pessoas mais felizes não tem as melhores coisas,
elas sabem fazer o melhor das oportunidades que aparecem em seus caminhos.
A felicidade aparece para aqueles que choram…
Para aqueles que buscam e tentam sempre…
E para aqueles que reconhecem a importância das pessoas que passam por suas vidas.
O futuro mais brilhante é baseado num passado intensamente vivido.
Você só terá sucesso na vida quando perdoar os erros e as decepções do passado.
A vida é curta, mas as emoções que podemos deixar…
…duram uma eternidade…

Clarice Lispector

domingo, 16 de maio de 2010

Não quero alguem que morra por mim



Não quero alguém que morra de amor por mim…
Só preciso de alguém que viva por mim, que queira estar junto de mim, me abraçando.
Não exijo que esse alguém me ame como eu o amo,
quero apenas que me ame, não me importando com que intensidade.
Não tenho a pretensão de que todas as pessoas que gosto, gostem de mim…
Nem que eu faça a falta que elas me fazem, o importante pra mim é saber que eu, em algum momento, fui insubstituível…
E que esse momento será inesquecível..
Só quero que meu sentimento seja valorizado.
Quero sempre poder ter um sorriso estampando em meu rosto, mesmo quando a situação não for muito alegre…
E que esse meu sorriso consiga transmitir paz para os que estiverem ao meu redor.
Quero poder fechar meus olhos e imaginar alguém…
e poder ter a absoluta certeza de que esse alguém também pensa em mim quando fecha os olhos, que faço falta quando não estou por perto.
Queria ter a certeza de que apesar de minhas renúncias e loucuras, alguém me valoriza pelo que sou, não pelo que tenho…
Que me veja como um ser humano completo, que abusa demais dos bons sentimentos que a vida lhe proporciona, que dê valor ao que realmente importa, que é meu sentimento… e não brinque com ele.
E que esse alguém me peça para que eu nunca mude, para que eu nunca cresça, para que eu seja sempre eu mesmo.
Não quero brigar com o mundo, mas se um dia isso acontecer, quero ter forças suficientes para mostrar a ele que o amor existe…
Que ele é superior ao ódio e ao rancor, e que não existe vitória sem humildade e paz.
Quero poder acreditar que mesmo se hoje eu fracassar, amanhã será outro dia, e se eu não desistir dos meus sonhos e propósitos,
talvez obterei êxito e serei plenamente feliz.
Que eu nunca deixe minha esperança ser abalada por palavras pessimistas…
Que a esperança nunca me pareça um “não” que a gente teima em maquiá-lo de verde e entendê-lo como “sim”.
Quero poder ter a liberdade de dizer o que sinto a uma pessoa, de poder dizer a alguém o quanto ele é especial e importante pra mim, sem ter de me preocupar com terceiros…
Sem correr o risco de ferir uma ou mais pessoas com esse sentimento.
Quero, um dia, poder dizer às pessoas que nada foi em vão…
Que o amor existe, que vale a pena se doar às amizades e às pessoas, que a vida é bela sim, e que eu sempre dei o melhor de mim…
e que valeu a pena.

Mario Quintana